POLÍCIA: Homem é preso suspeito de estuprar criança cadeirante com paralisia cerebral

Da redação

A Polícia Civil prendeu preventivamente, na última quinta-feira (23), um homem de 47 anos suspeito de ter estuprado uma criança cadeirante e com paralisia cerebral, em Capão da Canoa, no Litoral Norte.  O suspeito, que era padrasto da menina e estava desaparecido, foi localizado na mesma cidade.

De acordo com a titular da Delegacia de Capão da Canoa, delegada Sabrina Deffente, o estupro ocorreu em 2012. Na época, a vítima tinha 12 anos e vinha sofrendo abusos há pelo menos dois meses.

A denúncia foi feita pela mãe da criança. Ela descobriu as agressões após ouvir os relatos da filha, que possui dificuldades motoras, mas consegue se comunicar com a mãe.


O homem foi encaminhado à Penitenciária Modulada de Osório.

Nenhum comentário

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE