ESTEIO: Vereadora é presa após furtar barras de chocolate em supermercado

Da redação - atualizado às 20h45

FOTO: Divulgação/ Câmara de Vereadores de Esteio
A vereadora esteiense Rute Pereira (PMDB) foi presa na tarde desta sexta-feira (21) por furtar duas barras de chocolate no supermercado Macromix, localizado na rua Soledade, na área central de Esteio.

A peemedebista foi flagrada por funcionários pegando os produtos e os escondendo. Os seguranças do supermercado acionaram a Brigada Militar, que prendeu a parlamentar em flagrante. Ela foi, posteriormente, encaminhada à Delegacia de Polícia (DP). Rute Pereira deve ser liberada após o registro.

Em contato, a assessoria de imprensa da parlamentar informou que ela está muito abalada e que não deve se pronunciar nas próximas horas.

9 comentários

Anônimo disse...

pouca vergonha se ela rouba um supermercado imagina na prefeitura

Joel Bibi disse...

Acho que isso tem haver com o coelhinho 😂😂😂😂

sergio disse...

Imagina se o povo inventa de eleger ela deputada. A limpa que ela ia fazer em Brasília. Ia aprender com os professores ladrões de lá e ia sair profissional. Ia encher as bolsas de chocolate e muito mais que desse pra roubar. Esteio,

Anônimo disse...

Acredito que não deve ter acontecido isso pq ela é ladra pode ser uma doença somos amigas a muitos anos e sei do caráter dela, antes de qualquer coisa não julguem sem saber os fatos. A política está realmente uma merda mas ela antes de qualquer coisa é um ser humano.E tenho certeza que ela vai se explicar.

Rosnaide Silva disse...

Ela não ganhou Páscoa tadinha foi roubar...

Anônimo disse...

Doença de politico

Anônimo disse...

Antes de julgar as pessoas devem ouvir o outro lado. A Vereadora Rute e aquela pessoa do povo, que está sempre ajudando a todos que precisam. Sempre foi a voz no povo na Câmara e nas ruas. Mesmo quando não está Vereadora abraça as causas populares. Vivo em Esteio a 24 e nunca vi nenhum ato da Rute a ser recriminado. Uma so notícia ê capaz de levar o povo a esquecer uma vida dedicada a causa popular? Triste este julgamento. Já julgaram e condenaram por uma notícia de jornal.

Anônimo disse...

O presidio ta cheio de pessoas com essa doenca.ickusive de maes q roubaram p dar de comer ao filho.alguem deu chance delas se explicarem.

Anônimo disse...

Não vi nenhum julgamento na reportagem, e sim um relato de algo que aconteceu. Relatar fatos não é o mesmo que julgar. O porquê ninguém sabe, mas não muda o fato de que ela escondeu as barras e tentou sair sem pagar

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE