ALVORADA: Polícia investiga morte de jovem com deficiência mental

Da redação

A Polícia Civil tenta esclarecer a motivação da morte de um jovem com deficiência mental na noite da última sexta-feira (5) no bairro Jardim Algarve, em Alvorada, na Região Metropolitana de Porto Alegre. Lucas Barbosa, 23 anos, foi atingido por disparos de arma de fogo. Ele não tinha antecedentes criminais.

De acordo com o delegado André Anicet, a hipótese de latrocínio não foi cogitada pela investigação, já que nenhum pertence dele foi levado. A linha de investigação mais forte é de que Barbosa tenha sido confundido com outra pessoa. Dois criminosos participaram da ação.

Na próxima semana, a polícia pretende ouvir testemunhas e familiares do jovem. A autoria do crime também é desconhecida.

Manifestação

De acordo com a Brigada Militar, Lucas Barbosa era conhecido e querido na comunidade. Depois do crime, vizinhos organizaram um protesto e carreata por ruas do bairro, pedindo mais paz na região.

Nenhum comentário

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE