POLÍCIA: Quatro cavalos são apreendidos durante operação para coibir maus-tratos

Da redação
FOTO: Polícia Civil/Divulgação
Na manhã desta segunda-feira (15), a Polícia Civil deflagrou a Operação Puro Sangue com o objetivo de reprimir os maus-tratos a cavalos em Porto Alegre. A ação ocorreu na CEASA, bairro Anchieta, zona norte de Porto Alegre. Foram apreendidos quatro animais, dois por maus tratos e dois por descumprimento à lei municipal que proíbe a circulação de carroças.

A ação é da Delegacia do Meio Ambiente do Departamento Estadual de Investigações Criminais (Deic) em conjunto com a Empresa Pública de Transporte e Circulação (EPTC), Associação Rio-grandense de Proteção aos Animais (ARPA), Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (IBAMA) e Departamento Estadual de Trânsito do Rio Grande do Sul (DETRAN).

Os proprietários dos cavalos foram conduzidos para a DEMA e responderão a Termo Circunstanciado pelo crime de maus tratos contra animais, com pena de detenção, de três meses a um ano, e multa.


Os cavalos apreendidos foram encaminhados ao Abrigo de Animais da EPTC, no bairro Lami. As carroças apreendidas foram destinadas ao depósito da EPTC. 

Nenhum comentário

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE