SAPUCAIA DO SUL: Suspeito de matar vizinho por causa da fumaça de churrasco se apresenta à polícia

Da redação


O suspeito de matar o vizinho por causa da fumaça de churrasco, em Sapucaia do Sul, se apresentou à polícia nesta segunda-feira (09). Jorge Oscar Batista Medeiros, 62 anos, se dirigiu à delegacia com a arma usada no crime, um revólver calibre 22.

Embora tenha se apresentado, a polícia não decretou a prisão preventiva dele e por isso foi liberado. O pedido de prisão foi realizado na última sexta-feira (05).

Entenda o caso
Uma discussão motivada pela fumaça de um churrasco terminou em morte na noite de quinta-feira (4) em Sapucaia do Sul. Um morador da rua Montesul, no bairro Pasqualini, foi até a casa de um vizinho que assava carne em seu quintal para reclamar da fumaça. Os dois acabaram discutindo e o dono da residência atirou pelo menos uma vez contra o outro homem.

Segundo a Polícia Civil, a vítima foi identificada como Mabel Menezes, de 33 anos. A companheira dele confirmou o motivo da briga. 

6 comentários

Anônimo disse...

o cara Mata por algo insignificante.se apresenta com a arma e são pela porta da frente. há faz o favor ne. assim é fácil sair por aí tirando vidas....

Anônimo disse...

Velho desgraçado tirou a vida de pai de familia trabalhador e sai impuni. Como assim? Brazil pais sem leis mesmo ������

Anônimo disse...

Mas o Jaguara reclama da fumaça, mata o cara e são ileso? Por isso que eu digo que todas as leis punem as pessoas de bem. Aqui na rua que moro tem uma velha fofoqueiras e sem respeito, vive difamando algumas pessoas e adora largar lixo em frente a minha casa. Vou matá_lá já que fiquei tranquilamente em minha casa. Leis porcas. Tá louco.

Adriane Oliveira,esposa e se ele continuar solto talvez a próxima vítima JÁ que foi tão simples para esse verme matar,covarde disse...

Quem reclamou da fumaça foi o assassino e foi homicídio qualificado por motivo torpe, por motivo fútil,homicídio doloso qualificado por dar 2 tiros o primeiro a queima roupa e outro pelas costas sem direito de defesa,esse verme tem que apodrecer na cadeia,pura covardia

Adriane,esposa da vítima disse...

Eu e meus filhos podemos ser a próxima vítima e ficam defendendo esse verme,distorcendo a verdade ele deu dois tiros um a queima roupa e outro pelas costas sem direito de defesa isso é homicídio doloso qualificado por motivo fútil e não homicídio simples cade as leis,JUSTIÇA JÁ

Sandy Vanessa Santos disse...

Li que quem reclamou da fumaça foi o rapaz assassinado, não sei o que é verdade, o que não entendo é como pode alguém tirar uma vida, ainda mais por um motivo fútil. Vizinhos deveriam ser amigos, se ajudar , pois a insegurança está absuramente em alta. Mais amor no mundo, que pena, um rapaz de apenas 33 anos perder a vida.Meus sentimentos à família.

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE